terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Como foi 2012 para Corey Taylor


No dia 15 de dezembro, Simon Crampton do ThisIsNotAScene conduziu uma entrevista com o frontman do SLIPKNOT e do STONE SOUR, Corey Taylor, durante o Bournemouth no Reino Unido, como parte da turnê européia do Stone Sour. Acompanhe um trecho em que o vocalista fala como foi o ano de 2012 em sua vida:

ThisIsNotAScene: Termine esta frase. 2012 foi....

Corey: Bem ocupado. Com o novo álbum do Stone Sour. Basicamente, eu supervisionei tudo: arte da capa, a embalagem, a história. Eu fui me adaptando nas próprias histórias em quadrinhos, conseguir fazer essa porra funcionar, foi um processo tedioso e muito louco, mas realmente gratificante. Deu trabalho, teve seus altos e baixos. Eu perdi o meu sogro há cerca de um mês e meio atrás, devido a um câncer, infelizmente, isso foi um choque, isso acaba com sua felicidade, mas eu sei que ele ficaria muito orgulhoso. Ele ficou de me ver tocar antes de ir ao hospital, apenas um show acústico, rapidinho, ele estava tão bem. Realmente ele me deixou feliz pra caramba. Ele era como um pai para mim. Eu só o conhecia há cinco anos, mas estou feliz por tê-lo conhecido. Então, mesmo assim, foi um ano extremamente maravilhoso e com o dever cumprido. Vendo a boa receptividade de "House Of Gold & Bones - Parte 1", isso me deixa muito feliz, mas, obviamente, você não pode ter o bom sem o mau. Foi um inferno de ano, vamos colocar dessa maneira.

Confira a entrevista completa (em inglês) no This Is Not A Scene

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário